segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

EM QUALQUER CENÁRIO...LULA ESTÁ NA DISPUTA DE 2018!



Se a eleição à Presidência fosse hoje, em qualquer cenário, seja com Aécio Neves, Geraldo Alckmin ou José Serra como candidato do PSDB, o ex-presidente Lula iria ao segundo turno pelo PT, segundo novo levantamento Datafolha, com 20% das intenções de voto, em média.

Os dados marcantes da pesquisa são o mau desempenho dos tucanos e a rápida ascensão do deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), que aparece como quarto colocado. Ele deve ir para o PSC para ser candidato.

Em um quarto cenário com 3 tucanos na disputa, caso Alckmin se lance pelo PSB e Serra pelo PMDB, Aécio ficaria tecnicamente empatado com Lula, com 20 e 19%, respectivamente.


Alessandro Janoni, diretor de pesquisas do Datafolha, destaca a capacidade de recuperação de Lula: “A taxa de rejeição dele é alta hoje, mas ainda há um contingente grande (37%) que o considera o melhor presidente que o país já teve e uma percepção do eleitor de que haverá melhoras na economia" (leia aqui). Via o 247



SE A ELEIÇÃO FOSSE HOJE, MAS COMO ELA É DEPOIS DE AMANHÃ LULA COM CERTEZA VAI GANHAR FÁCIL DOS CANDIDATOS DO ATRASO!

Dois dados dessa pesquisa do DataFolha nos chamaram a atenção:

O primeiro deles é o fato de que Lula tem em média 20% das intenções de voto....Isso significa dizer que em todas as faixas de pesquisa ele mantém uma média consistente...
Segundo, ele é considerado o melhor presidente do Brasil para 37% dos entrevistados, e como Lula foi o único que já foi presidente dos possíveis candidatos, ele leva ligeira vantagem  contra eles por já ter experiência administrativa e ela foi bem avaliada e na hora da decisão em um possível segundo turno esse dado vai ser levado em consideração pelo eleitor porque ele quer ter a certeza de segurança e nada melhor que Lula para transmitir-lhes...Os outros representam o atraso do país! 

Professor Augustão do Revir@volta

sábado, 27 de fevereiro de 2016

BOLSA AMANTE VAI SER INVESTIGADO...




DA AGÊNCIA BRASIL
http://agenciabrasil.ebc.com.br/politica/noticia/2016-02/ministerio-da-justica-determina-apuracao-de-denuncia-de-jornalista-contra

O Ministério da Justiça determinou hoje (26) que a Polícia Federal abra inquérito para investigar a denúncia de que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (FHC) usou a empresa Brasif S.A Exportação para pagar pensão no exterior a um filho da jornalista Mirian Dutra Schimidt, com quem o então senador teve um relacionamento extraconjugal entre as décadas de 1980 e 1990.

Em nota divulgada no início desta noite, o ministério informa que o inquérito tramitará em segredo de Justiça. Ao jornal Folha de S.Paulo, Mirian Dutra disse que assinou um contrato fictício de trabalho com a Brasif por meio do qual recebia recursos enviados pelo ex-presidente ao filho dela, Tomás Dutra.

No final da semana passada, a Brasif negou  que intermediasse a remessa de dinheiro de Fernando Henrique para a jornalista. A empresa, no entanto, confirmou ter contratado a jornalista, em 2002, mas negou participação do ex-presidente na contratação ou no depósito dos pagamentos.

O ex-presidente também nega que tenha usado a Brasif para enviar recursos para o exterior. Em nota, Fernando Henrique admitiu que mantém contas no exterior e que presenteou Tomás com um apartamento.


Edição: Nádia Franco

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

GLOBO: LIVRE-SE DESSE MAL TAMBÉM...AMÉM!



Com palestras dos jornalistas e blogueiros Paulo Henrique Amorim e Miro Borges, dia 3 de março, no auditório da CUT-RJ, às 18h, direção da central no Rio lança campanha para esclarecer a população o quanto a Globo faz mal ao país.

Tradicional inimiga das causas populares e democráticas, a Rede Globo, líder do monopólio midiático brasileiro, tem se superado cada vez mais em termos de manipulação da informação, da mentira e do assassinato de reputações. Tudo em nome dos seus interesses políticos e comerciais.

Nunca é demais lembrar o currículo dessa organização. A Globo esteve na linha de frente da campanha que levou Vargas ao suicídio, tentou de todas as maneiras impedir a posse de Jango e apoiou o golpe militar que censurou, perseguiu, cassou, baniu, prendeu, sequestrou , torturou e assassinou tantos opositores do regime.

As empresas da família Marinho tentaram sabotar a campanha das Diretas Já e escreveram um dos capítulos mais tristes do jornalismo brasileiro nas eleições presidenciais de 1989, quando editaram de forma grosseira o debate entre Lula e Collor, para prejudicar o candidato do PT.

A criminalização dos movimentos sociais e a oposição a tudo que lembre inclusão social e soberania nacional são outras marcas registradas globais. Agora, a Globo aposta suas fichas no cerco midiático aos ex-presidente Lula e a tudo que ele representa em termos de melhoria de vida dos mais pobres e desfavorecidos.

A boa notícia, porém, é que cada vez mais brasileiros percebem a que interesses antipopulares servem o império de comunicação da família mais rica do país, segundo a revista Forbes. Por isso, sua audiência despenca a olhos vistos , bem como seus leitores. Nas manifestações de rua tornou-se obrigatório o grito "o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo."


Contudo, não podemos menosprezar a força de um monopólio de 50 anos na disputa por corações e mentes. E a campanha "Desliga a Globo que Brasil melhora" é parte do movimento pela democratização da mídia, na qual a CUT tem papel destacado.

                                 http://www.brasil247.com/author/Bepe+Damasco

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

O MEGA DERROTADO AÉCIO AINDA SONHA COM A CADEIRA PRESIDENCIAL...ME FAZ RIR !



Mas a imbecilidade desse povinho é demais mesmo...Já foram derrotados diversas vezes desde a campanha de 2014 em várias instâncias,mas ainda eles continuam sonhando em dar um golpe e chegar ao poder de novo...Mas o que me chamou atenção é o fato dele estar usando a expressão COMPANHEIROS...Além de MEGA DERROTADO  esse cara só pode ser um palhaço, POIS ME FAZ RIR SEMPRE DE SUAS PIADAS KKKKKK

Professor Augustão do Revir@volta

247 – O presidente do PSDB e principal defensor do impeachment, senador Aécio Neves (MG), confirmou nesta terça-feira 23, em coletiva de imprensa, apoio dos partidos de oposição às manifestações organizadas para o dia 13 de março, pelo afastamento da presidente Dilma Rousseff.

Os atos estão sendo organizados por grupos anti-governo como o Movimento Brasil Livre (MBL), Vem Pra Rua e Revoltados Online. "Estamos distribuindo uma nota de absoluto apoio dos partidos com representação no Congresso Nacional, os partidos de oposição, às manifestações programadas para o próximo dia 13 de março, organizadas por movimentos da sociedade civil", disse Aécio aos jornalistas.

"Estaremos conclamando nossos companheiros de todas as regiões do país, em todos os municípios do país para que se façam presente nesse momento de profundo agravamento da crise política, econômica, social e moral que vem devastando o Brasil. E tenho muita confiança de que teremos manifestações muito consistentes e muito representativas neste dia 13", acrescentou o tucano.

De acordo com o parlamentar, "os partidos de oposição, com a presença dos líderes na Câmara e no Senado, definiram de forma absolutamente clara que caminharão juntos daqui para a frente, seja na estratégia parlamentar legislativa e, obviamente, também nas ações políticas". As siglas se reuniram nesta terça-feira em Brasília. No encontro, estiveram lideranças do PSDB, DEM, PV, PPS, Solidariedade e PP.

Aécio já manifestou apoio a outros protestos em defesa do impeachment, mas nunca compareceu. Em uma das ocasiões, chegou a ser chamado de "traidor" pelos líderes dos movimentos. Nesta terça, parlamentares da oposição se uniram aos dissidentes do PMDB para criar uma espécie de comissão do impeachment contra Dilma.

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

ATÉ AGORA SÓ PROVARAM QUE LULA É HONESTÍSSIMO!



Estamos acompanhando há meses uma perseguição política nunca antes visto na História do Brasil patrocinado pela Mídia Golpista de plantão e pela sua Gang de aliados que  ainda não se conformaram com a derrota em 2014 e com as transformações sociais no país desde quando o PT assumiu a Presidência em 2003...

Que eles tenham rancor,ódio,inveja,despeito,ignorância,desrespeito,ingenuidade,merda na cabeça ou seja lá o que for é problema deles...Mas, eles não tem o direito de forjar crimes contra o Ex-Presidente ou tentar imputar-lhe qualquer ato ilícito.

Falamos isso com todo certeza porque até este exato momento ELES NÃO PROVARAM NADA CONTRA O EX-PRESIDENTE LULA e pelo andar da carruagem JAMAIS PROVARÃO!

Aliás,

SÓ PROVARAM E COMPROVARAM QUE LULA É HONESTÍSSIMO E FAVORITÍSSIMO PARA 2018 , para o desespero deles!


Professor Augustão do Revir@volta

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

MAIS UMA DERROTA DA GANG RAIVOSA!


País

PF diz que não há irregularidades em campanhas do PT feitas por Santana

Jornal do Brasil
A Polícia Federal (PF) concluiu que não foram encontradas irregularidades nos pagamentos do PT pelos serviços prestados ao publicitário João Santana nas campanhas eleitorais da presidente Dilma Rousseff, do ex-presidente Lula e do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. O relatório foi citado pelo juiz federal Sérgio Moro ao deferir o pedido de prisão de Santana e de sua mulher, Mônica Moura.

De acordo com a PF, as suspeitas em relação ao publicitário e Mônica Moura são referentes a cerca de US$ 7,5 milhões que teriam sido recebidos pelos dois no exterior, por meio de uma empresa offshore que seria controlada pela empreiteira Odebrecht. 

“Os valores referentes aos pagamentos pelo préstimo de serviços de João Santana e Mônica Moura para as campanhas eleitorais de Luiz Inácio Lula da Silva (2006), Fernando Haddad (2012) e da atual presidente da República Dilma Rousseff (2010 e 2014) totalizam R$ 171.552.185,00. Não há, e isto deve ser ressaltado, indícios de que tais pagamentos [das campanhas] estejam revestidos de ilegalidades”, concluíram os delegados.


domingo, 14 de fevereiro de 2016

DONO DO SÍTIO APARECEU E MOSTRARÁ DOCUMENTOS...MAS NÃO É O LULA!



247 - O advogado Alberto Zacharias Toron, que defende o empresário Fernando Bittar, informou que seu cliente irá afirmar aos investigadores Operação Lava Jato que não atuou como laranja na compra do sítio em Atibaia, interior de São Paulo, que é utilizado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua família para descansar.

O local está registrado em nome de Bittar, filho de Jacó Bittar, amigo de Lula e fundador do PT, além do empresário Jonas Leite Suassuna Filho. Bittar e Suassuna são sócios em negócios de Fábio Luís, filho do ex-presidente.

O depoimento de Bittar está agendado para esta semana e, segundo Toron, o empresário está disposto a colaborar com as investigações. Segundo ele, Bittar pretende "dissipar equívocos e mostrar claramente que ele e seu sócio Jonas são os verdadeiros proprietários do sítio". "Vamos mostrar provas e documentos", disse. Jonas Suassuna tem, dito que é dono de apenas uma parte do sítio, aonde não foram realizadas benfeitorias de espécie alguma.

A suspeita é que a reforma no local tenha sido feita pela empreiteira Odebrecht, investigada pela Operação Lava Jato, além da OAS e da usina São Fernando, pertencente ao pecuarista José Carlos Bumlai.
A assessoria do Instituto Lula tem afirmado reiteradamente que o ex-presidente e seus familiares frequentam o local nos finais de semana e em dias de descanso e isso não representa qualquer ato ilícito.

http://www.brasil247.com/

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

GOVERNO VAI AUMENTAR O CRÉDITO IMOBILIÁRIO NO MERCADO



Governo altera regra para aumentar crédito imobiliário

CMN dá prazo de até um ano para bancos se adaptarem

Por: O GloboEm 11 DE FEVEREIRO, 2016 - 18H02 - ECONOMIA
A equipe econômica tomou uma medida que pode aumentar o volume crédito imobiliário no mercado. Numa reunião extraordinária, realizada na quarta-feira de cinzas, o Conselho Monetário Nacional (CMN) deu um prazo de até um ano para que instituições financeiras adaptem-se às novas regras para o setor. Os ministros desobrigaram os bancos a aplicarem imediatamente 65% do que receberem na venda de contratos de crédito habitacional à companhias securitizadoras em novos financiamentos da casa própria.
Segundo a assessoria de imprensa do BC, trata-se de ajuste nas regras de cumprimento do direcionamento obrigatório para criar condições para o melhor gerenciamento de ativos e passivos das instituições financeiras na gestão de suas carteiras de crédito imobiliário. A autarquia informou que a resolução pode ser entendida como complementar à medida anunciada pelo Ministério da Fazenda na semana passada, que permitiu a compra de Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI) pelo FGTS.
A regra do BC diz que os bancos devem aplicar, no mínimo, 65% de todos os depósitos na caderneta de poupança em empréstimos para a compra de imóveis. Se repassar toda a carteira que já tem desse tipo de financiamento, teria de fazer novos contratos.
"Ao conferir prazo um pouco mais dilatado para aplicar os recursos, cria condições mais propícias às IFs (instituições financeiras) venderem seus créditos para fins de securitização, obter novos recursos e aplicá-los em novos financiamentos imobiliários", frisou a assessoria de imprensa.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

BILHÕES DEVERÃO SER RECUPERADOS PELO BANCO CENTRAL ATÉ SETEMBRO/16




Kelly Oliveira – Repórter da Agência Brasil
O Banco Central (BC) espera recuperar R$ 6,970 bilhões de grandes devedores da instituição até setembro deste ano. Na lista de devedores estão instituições financeiras, corretoras de câmbio, empresas que fazem importação e exportações, times de futebol e pessoas físicas. No total, o estoque total de dívida ativa com o BC era estimado, em dezembro de 2015, em R$ 44,707 bilhões.
“Em sua maioria, são multas aplicadas em razão de ilícitos cambiais, mediante regular processo administrativo sancionador, mas também de dívidas de maior valor provenientes de contratos celebrados no âmbito do Proer [Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Fortalecimento do Sistema Financeiro Nacional]”, informou o procurador-geral do BC, Isaac Ferreira.
O Proer foi criado em 1995 para tentar recuperar instituições financeiras e evitar crise sistêmica. O programa vigorou até 2001, quando foi promulgada a Lei de Responsabilidade Fiscal, que proibiu aportes de recursos públicos para recuperar bancos quebrados.
A recuperação de recursos faz parte do Projeto Grandes Devedores, lançado em 2014, e vai até setembro deste ano. Pelo projeto, o BC promoveu sistematização e priorização de ações em um universo de 4.078 processos de cobrança de empresas e pessoas físicas em situação de inadimplência com a autarquia.
O foco foram os 322 maiores créditos devidos, dentro do total de créditos de R$ 42,7 bilhões. Desses maiores créditos devidos, o BC recuperou R$ 4,614 bilhões entre setembro de 2014 e dezembro de 2015.
O dinheiro arrecadado pelo BC compõe o resultado contábil semestral que é repassado ao Tesouro Nacional. Os recursos só ficam no BC quando não constituam receita, ou seja, quando são resultado de restituição de valores desembolsados anteriormente pela autoridade monetária.
Segundo o procurador-geral do BC, em 2015 foram feitas diligências destinadas à localização de devedores e bens, com aintensificação do acompanhamento dos créditos classificados como de recuperação possível ou provável.
“A Procuradoria-Geral do Banco Central analisou estratégias de busca online de bens e devedores, criou um sistema de faixas de créditos (ínfimo, pequeno, médio e grande), com providências e diligências obrigatórias e complementares”, disse Ferreira.
De acordo com Ferreira, para concentrar esforços na recuperação de créditos viáveis, “processos considerados como irrecuperáveis foram analisados detidamente, o que acarretou o cancelamento de 147 certidões de dívida ativa”. Assim, foram baixados do estoque de dívida ativa R$ 1,190 bilhão.
Ainda segundo o procurador-geral do BC, a cobrança extrajudicial mostrou-se eficiente na cobrança de valores ínfimos e pequenos, “contribuindo para a diminuição dos casos de cobrança encaminhados ao Poder Judiciário”.
Edição: Armando Cardoso

sábado, 6 de fevereiro de 2016

O QUE MAIS IRÃO INVENTAR?



Durante 2 semanas seguidas a Mídia Golpista espalhou uma infinidade de noticiários envolvendo o PT, Dilma e principalmente o Ex-Presidente Lula...Está sendo um bombardeio e uma perseguição nunca visto na História desse país contra uma pessoa que é considerada no mundo inteiro e próximo de ganhar um Prêmio Nobel pelos relevantes serviços prestados a causa humana...Lula quando governou criou projetos que tiraram mais de 40 milhões de pessoas da miséria e isso foi copiado por diversos países...
Contudo, esse pessoal odioso e que não se contentou ainda em ter perdido o governo que sugavam, sucateavam, praticavam corrupção e comandavam através de seus paus mandados perceberam que o país não está mais alinhado aos seus interesses e por isso tramam a cada dia um golpe ou uma forma de desgastar o governo Dilma,tentam desrespeitar a democracia e a vontade popular,mas não conseguem,tentam colocar a culpa da corrupção e da crise econômica só nas costas do governo...
Essas manobras fascistas,maquiavélicas,diabólicas e antidemocráticas tem um foco agora, desgastar a imagem do Ex-Presidente Lula que é o favorito para 2018 e a única forma de voltarem é tirando Lula e o PT de rota...Segundo suas falácias jornalísticas: "Lula já foi dono de Triplex no Guarujá,de Iate de Luxo, de Sítio, sua família já foi dona da Friboi..."...E AGORA, O QUE MAIS VÃO INVENTAR?
Resta à nós, que sabemos combater o bom combate ficarmos atentos para a qualquer momento entrarmos em ação porque eles não desistem do seu projeto de retorno ao poder...
E nesse Carnaval eles vão fantasiar demais...Podem acreditar!

Professor Augustão do Revir@volta

                                               DO SITE REVIR@VOLTA NEWS


                                              http://redereviravoltanews.com.br/

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

JÁ FOI ESCOLHIDO O LABORATÓRIO DA SINTETIZAÇÃO...

           
                   
                                      Camila Boehm – Repórter da Agência Brasil

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, anunciou hoje (5), por meio de nota, que o Laboratório PDT Pharma, de Cravinhos, será o responsável pela sintetização da substância fosfoetanolamina para testes no tratamento do câncer. A substância será analisada no tratamento da doença em até mil voluntários.

Depois de produzido, o medicamento será encapsulado pelo laboratório farmacêutico oficial do governo do estado de São Paulo (Furp) e, em seguida, será iniciada a fase de testes em pacientes. Segundo o governador, haverá investimento de cerca de R$ 5 milhões na pesquisa. O protocolo ainda precisa de aprovação final da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep), do Conselho Nacional de Saúde (CNS).

O protocolo de pesquisa clínica deve avaliar a segurança e a possível eficácia da substância no tratamento de pacientes com câncer em estágios avançados. O projeto de pesquisa para testar a fosfoetanolamina sintética será realizado pelo Instituto do Câncer (Icesp).

Na primeira fase, o estudo prevê que serão avaliados dez pacientes para determinar a segurança da dose utilizada na comunidade. Se a droga não apresentar efeitos colaterais graves, a pesquisa continua.

No estágio um, está prevista a inclusão de mais 21 pacientes para cada um dos dez grupos (tipos) de tumor: cabeça e pescoço, pulmão, mama, cólon e reto (intestino), colo uterino, próstata, melanoma, pâncreas, estômago e fígado. Se observados sinais de atividade da substância nessa fase, o estágio dois começará com mais 20 participantes em cada grupo.

Comprovada a atividade relevante da droga, haverá inclusão de novos pacientes até atingir o máximo de mil pessoas. Conforme o governo, a Universidade de São Paulo (USP) cedeu ao Estado o direito à pesquisa e produção da substância para utilização nos testes. A síntese do elemento químico é estudada há 20 anos pelo pesquisador aposentado Gilberto Chierice.




quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

QUEM TEM MEDO DA CPMF?

                             

                                  COPIADO DO BLOG DO PROFESSOR AUGUSTÃO
                                           http://blogpaugustao.blogspot.com.br/

Bastou o governo anunciar a intenção de retomar a proposta da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CMPF) para que chovesse uma quantidade de afirmações da disposição de rejeitar a retomada do imposto sobre o cheque. Desde dirigentes do parlamento, que geram novos e exorbitantes gastos do governo, mas querem aparecer demagogicamente, como os que defendem a população contra novos impostos. Passando por grandes empresários, conhecidos pela sonegação de impostos, que querem fazer passar a ideia de que iniciativas como essa dificultariam a retomada dos investimentos. Chegando ao useiros ventríloquos na mídia, com seu discurso pronto contra qualquer iniciativa de democratização tributária.
Por que eles têm medo de um imposto direto, que recai sobre quem gasta mais? Por que rejeitam um imposto que não pode ser sonegado? Por que não aceitam um imposto que retira recursos de quem ganha mais para financiar o mais democrático sistema de saúde pública do mundo?
Porque eles se atendem nos planos privados de saúdePorque eles sonegam impostos. Porque eles preferem impostos indiretos, em que os pobres e os ricos pagam a mesma quantia.
Se sabia que a reação desses setores seria dura. Sempre foi. O anúncio não foi o mais hábil, porque foi invertida a lógica:primeiro se deveria fazer o que faz o ministro da Saúde: mostrar as necessidades de financiamento do sistema público de saúde. E aí apontar como a CPMF é a forma mais democrática de financiá-lo.
A direita e seus porta-vozes economicistas sempre se valem do isolamento das cifras econômicas do seu sentido social. Mais imposto? Não? Sem mencionar a que necessidade responderia o novo tributo.
Temos que inverter o procedimento: enunciar as necessidades que precisam ser cobertas, explicar como é falso o raciocínio de que se paga excessiva quantidade de impostos no Brasil, explicar o caráter democrático e redistributivo de um imposto como a CPMF, pelo qual quem tem mais transfere recursos para financiar o sistema publico de saúde, o SUS, que atende a toda a população.
Não será possível restaurar a CPMF – que foi eliminada pela aliança espúria da direita, do centro e da ultra-esquerda (recordar a cena imoral de Heloísa Helena, então presidente do Psol, comemorando com a direita, a derrota a tentativa do governo de dar continuidade ao imposto que financia o sistema publico de saúde) – sem um grande trabalho de convencimento prévio de amplos setores da população e do próprio parlamento.
Mas, ao mesmo tempo, o Sistema Único de Saúde (SUS) será duramente afetado se não conseguirmos essa ou outra via de conseguir os financiamentos que o sistema necessita. Democratizar é desmercantilizar, é colocar na esfera pública o que hoje está na esfera mercantil. Transformar em direito o que hoje é mercadoria.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

O CASO DE CUNHA TAMBÉM TERÁ UM RITO...



O Ministro Teori vai seguir o rito direitinho no caso de Cunha,acreditamos que essa é uma medida estratégica do Ministro para que a defesa do Presidente da Câmara Federal não tenha como contestar depois.

O mais importante é que esse achacador estará na mira do STF...O povo brasileiro quer uma resposta à altura da nossa corte maior,uma vez que os crimes que lhe são imputados pelas investigações e coleta de provas da PGR através de Rodrigo Janot são de uma magnitude nunca antes vista para alguém que exerce tão alto cargo na República brasileira.

Sugerimos acessarem o link abaixo:






segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

ACUSADOR E ACUSADO LADO A LADO!


Esta imagem é interessante...De um lado Janot que a frente da PGR sugeriu no final do ano passado o afastamento de Eduardo Cunha da Presidência da Câmara Federal...Por sua vez Eduardo Cunha considera Janot seu maior desafeto....

O ano político não poderia começar com uma imagem melhor!

Vai rolar muita discussão sobre o tema e estaremos aqui para conferirmos.

Sejam Bem-Vindos(as)!


Do PortalR7


A cerimônia de abertura do ano judiciário de 2016 no plenário do STF (Supremo Tribunal Federal), nesta segunda-feira (1º), colocou lado a lado dois desafetos declarados e protagonistas das notícias da política no ano passado. O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), se sentou ao lado do PGR (Procurador-geral da República), Rodrigo Janot.
Eduardo Cunha faz parte da lista de políticos que estão sendo investigados entregue por Rodrigo Janot ao STF no âmbito da Lava Jato em março de 2015. Em maio daquele ano, Cunha disse que era perseguido por Janot e avisou queJanot "queria forçar uma prova".
Em agosto do ano passado, Janot denunciou Cunha por lavagem de dinheiro e corrupção passiva por causa de supostos crimes envolvendo contratos irregulares e pagamento de propina na Petrobras. No pedido, o procurador-geral pediu ainda a devolução de cerca de R$ 320 milhões (US$ 80 milhões) a Cunha.
Pouco tempo depois, Cunha voltou a atacar o procurador-geral da República ao se defender das acusações no âmbito da Lava Jato. Em nota, Cunha disse que Janot adotou "estratégia ardilosa" para "atingir sua imagem de homem público", acusando o procurador-geral de vazar "supostos trechos de investigação" para a imprensa.
Em dezembro, o procurador-geral da República pediu oficialmente o afastamento de Eduardo Cunha da presidência da Câmara. Na solicitação enviada ao Supremo, Janot disse que Cunha era um "delinquente".
— Os fatos indicam que existe um grupo de parlamentares, liderado por Eduardo Cunha que vem se valendo dos mandatos e prerrogativas, tais como poder de requisição e convocação, a fim de pressionar e intimidar terceiros.
Como resposta, o presidente da Câmara criticou a postura do procurador-Geral da República e avisou: "É uma peça teatral, tanto que ela é feita em atos".
Conduzida pelo presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski, a cerimônia desta segunda-feira (1º) também contou com a presença do presidente do Senado Federal, Renan Calheiros; do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo; e do representante da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Marcus Vinicius Furtado Coelho.